Passamos várias anos da nossa vida nos dedicando à algo, algum objetivo, não importa qual esse seja, alguns deles durando apenas algum tempo, e outros que podem durar a nossa vida inteira. A maioria os chamam de sonhos, e automaticamente já pensamos em uma coisa boa, daqueles que por mais que estamos dormindo ainda sorrimos, mas na verdade sonhos podem ser ruins também, aqueles conhecidos como pesadelos, que são super temidos. 
Desde crianças fazemos planos, construímos nossos sonhos e estes podem mudar entre os anos que vão se passando. Mas, mesmo assim, uma coisa é certa: eles vão nos acompanhar a vida inteira, e não digo ser ou julgo isso como errado, até porque precisamos deles para ter algo que nos guie e que nos faça ter a vontade de acordar todos os dias. Porém não podemos esquecer que precisamos deles para acordar e não para nos deixar parados em um sono profundo por muito tempo. 
É gostoso perder um tempo neles, para ver o que vai acontecer, e é algo que só com o tempo que você saberá se o seu era dos bons ou não. Mas, o problema está na dosagem de tempo que muitos acabam pesando a mão, e talvez na hora nem faça muita diferença, porém depois que for percebido o estrago, será como um sonho sem fim, você terá perdido a diversão. Não é porque temos muitos anos para poder ter todas as formas de sonho que podemos achar que apenas um dia ou dois não iram fazer falta. Então temos que ter total noção do tempo que estamos gastando com as atividades do dia a dia. Não vá cair na conversa de que você poderá recuperar depois, porque não vai. Se tem uma coisa que não podemos recuperar, isso é o tempo. 
Às vezes basta uma semana ou duas para que a sua vida mude completamente ou tome uma perspectiva diferente, e isso aconteceu comigo mesmo nessa semana. Depois disso, já pensou como seria um ano, dois, três, ou até muito mais que isso? É valido sim, ter vários sonhos, quantos você quiser necessitar, é válido também saber que também precisamos dos nossos pesadelos, mas nada de passar muito tempo em um e esquecer dos outros. 
Compartilhar:
Comentários:

2012-2016 © MEUSDELIRIOS.COM - DIREITOS RESERVADOS.