Hoje, olhando para você, enquanto dormia ao meu lado, fiquei lembrando de quando você chegou na minha vida. Inocente, frágil, pedindo amor, com aquelas olhos pequenos e pretos que brilhavam com o reflexo da luz, e eu sem questionar me entreguei. E foi uma das atitudes que nunca vou me arrepender de ter feito e sim vou agradecer. 
Encontrei o amor verdadeiro, de você apenas amar e não querer mais nada em troca, apenas amar. De se sentir bem, feliz, por apenas te abraçar e sentir você nos meus braços. De chegar em casa e saber que você vai estar esperando por mim. 
Quando estou no quarto perdida, mas não em uma multidão de pessoas, mas sim em lembranças e aquela lágrima começa a escorrer, eu olho para você. Nesse instante eu encontro a paz novamente, respiro fundo e continuo, porque sei que tenho você ao meu lado. 
Sei que nosso tempo é curto, e muitos parece que fazem questão de me lembrar. E eu sei muito bem disso, sei que nada dura para sempre, e que nem mesmo eu vou viver para sempre. Pensando exatamente nisso, que não deixo de demonstrar o quanto você preencheu minha vida. 
Quando penso que um dia não vou ter mais você nos meus braços, imediatamente meus olhos já ficam embaçados. Não há uma vez sequer que isso não tenha acontecido. Não posso mentir e dizer que não vou sentir sua falta, ou até mesmo aceitar isso como a lei da vida. Seria a mesma coisa que aceitar que sua existência não foi significativa. Apenas vou agradecer por ter tido esse tempo, ter vivido, e poder carregar essas memórias para o resto da minha vida. 
Compartilhar:
Comentários:

2012-2016 © MEUSDELIRIOS.COM - DIREITOS RESERVADOS.